2007 it's on it's way!!! Yepiiiii!
Conseguimos aguentar mais uma volta da Terra!!!




POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 1 Comment

A minha mulher odeia e eu também não gosto...

(Victoria Silvstedt)

...do facto de haver um Pai Natal mas ninguém explicar porque não há uma Filha Natal, ou uma Prima Natal, ou um Irmão Natal. Poderia, pelo menos, falar-se na Família Natal, e assim até inspirar mais o conceito de família nesta quadra, em vez de apenas se falar no Pai Natal e com isso lançar a eterna discussão sobre o facto do homem poder ser viúvo, divorciado e, se é Pai, porque raio tem os duendes a ajudá-lo e não o filho! Ai, ai!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

Com um abraço forte à família de Leonor Colaço



( )

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 6 Comments

Há tipos (mesmo) muito estranhos...

...e com hábitos ainda mais estranhos.
Senão, cliquem e vejam:
=o




POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 1 Comment

Já Escreveram ao Pai Natal?




=)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

um para o outro (numa mesa de um café de rua)

UM:
Quando eu era puto dizia que ao ser grande queria ser polícia, depois bombeiro, depois passei a dizer que queria ser astronauta e por fim já dizia que queria ser professor. Porque é que isto é tão comum nos miúdos, escolherem profissões que sempre optam pelo bem, pela luta contra o mal e pelo lado nobre das coisas?
(pausa)
E tu, que dizias?

O OUTRO:
Que queria ser americano.

UM:
ui...

O OUTRO:
Eu sei. Uma pessoa quando é criança não sabe o que diz...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited / BEST 2006 - II

E segue nova 'leva':















POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited / BEST 2006 - I

Alguns dos melhores.
Provavelmente terão visto.
Incluem-se ainda textos de locução e conceito.












POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

Ultimamente tem sido assim




E que bom!!!
=D


POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...

(Adriana Lima)


...das gentes que nesta época tudo devoram gulosamente sem pejo nem controlo, como se lá por ser Natal fosse desculpa suficiente para por aí andarem deliciando-se a seu bel prazer sem ligar à linha, à curva, à saúde e sei lá eu e a minha mulher a que mais! Depois queixam-se. Ah!...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

1 giga = 18 euritos!!!!

E na Worten!
Quem diria...

Por isso, já sabem: quem precisar de cartões SD para os mp3 ou para a máquina fotográfica, basta apressar-se.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

hã?

Escuta de uma conversa na fila para o MB:

UM - ...de resto, tudo na mesma.
OUTRO - E como toda a gente, estás bem constipado.
UM - Mas o mais estranho é que agora, sempre que me assoo, cheira-me a sardinhas assadas.
OUTRO - Hã!?
UM - Ultimamente, sempre que acabo de me assorar vem-me sempre um cheiro a sardinhas assadas.
OUTRO - Ah, isso deve ser normal...


Os amigos.
Sempre prontos para passar por cima de tudo e tranquilizarem-se uns aos outros.

=o

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited




(grafismo para passatempo Vespa - Portugal no Coração)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

Gracias!!!

OBRIGADO a todos os votos de parabéns e boa sorte que me foram chegando ao longo do dia de ontem e ainda hoje, quer pela caixa de comments quer pelos e-mails.

E sim, eu e a V. abrimos lista na Chicco.
Basta irem a uma loja deles e perguntarem pela lista com o meu nome, Ricardo Tomé, ou Vanessa Costa.

Não usem o meu nome secreto.
Já não assino nada como Rumadav Agnioszkovy faz algum tempo...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

it's a bird, it's a plane... it's a boy!


Pois é, meus caros.
Chegou a altura.
Estou neste momento já a costurar o meu pijama de lycra azul e a capa vermelha.
Faz já quase 6 meses que a V. está grávida e posso já adiantar que vem aí a caminho um Martim.
=)

As ecografias têm-se sucedido, os pequenos sustos também, os pontapés na barriga, os enjoos da mãe, o ouvido atento na barriga a tentar prescrutar nos imensos barulhos se alguma coisa se entende (nunca se sabe, podia já sabear trautear os Stones!).

Têm sido semanas a ver programas TV sobre isto e aquilo relacionado com miúdos (eu e o grande herói a caminho) e graúdos (a mãe, os avós, os restantes).

São tempos de grande mudança.
2007 antevê-se difícil pela falta de emprego da V. mas, e sobretudo, absolutamente mágico pelo nascimento lá mais para Março do grande Martim. Já estão encomendadas doses-extra de algodão para os ouvidos e uns comprimidos miraculosos que transformam 2h de sono em 6h.

Venha daí esses novos desafios!
Entretanto, às 19:45h, é religiosamente hora de aprender com o Pocoyo.

=P

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 2 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...

(kate moss)

...do desespero que é percorrer as milhentas lojas em busca de uma peça de roupa para grávida cujo S não esteja camuflado de XXL e onde uma jovem pré-mamã se possa continuar a sentir sexy em vez de ser obrigada a vestir sacos de batatas. Claro que dá sempre para encontrar coisas giras nalgumas lojas mais chiques e apenas por uns meros 80, 90, ou 100 euros a peça (!). Valha-nos, ó Deus, a H&M do Chiado!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

É tão bom comer!!!

- Pão alentejano
- Feijoada de tamboril com gambas
- Naco na pedra
- Pizza capri
- Terra D'uva
- Pudim flan (atenção: com olhinhos!)
- Café Christina


Hmmmmmmmmmmmm!...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

Gandalf & as Sogras

Há quem tenha problemas com as sogras. Eu, pelo contrário, para além de excelentes doçarias que me trazem sempre póstumos problemas de consciência por nunca conseguir resistir a provar (várias vezes seguidas na mesma refeição, entenda-se), tenho uma sogra que me suscita iguais doces sorrisos nas situações mais caricatas. A última foi na visita à casa da filhota e aqui do chato. Por ali perdido numa prateleira, entre a bonecada, o 'meu' Gandalf - o branco.
Pergunta-me ela:

- É o São José, o profeta?


POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

CAT POWER: concerto, desconcerto, concerto, desconcerto...

Cat Power (aka Chan Marshall) por ali desfilou bamboleante no palco da Aula Magna.
(corredores a abarrotar, by the way...)

Sapatos brancos, novos, portugueses, e o aparente estiloso desiquilíbrio equilibrado de gata em telhado de zinco quente acaba, mesmo, por se transformar na inglória mancha e marca do concerto. Riffs acertados em desacerto, músicas interrompidas a meio, e aqui e ali aquela voz - AH! a Voz!...

Desesperada, talvez, ou quiçá bamboleante entre o aqui e acoli, neste ou noutro mundo, Cat tenta o piano e falha uma nota, sai dali e pede desculpa. Pega na guitarra, afina-a por 15 ou 20 segundos que parecem eternidades, e a partir desse instante segue-se o primeiro de dois geniais momentos que qualquer ser humano mais atento terá guardado para todo o sempre.

Por entre o desespero de retomar o concerto, de o devolver à vida, de o salvar da penúria, Cat sussurra e lamenta, geme e treme a voz e agita o corpo e a guitarra. Não canta. Dá tudo em desespero de causa. E é precisamente pela tenebrosa circunstância que as duas músicas a solo no palco lhe saem tão fabulosamente e inacreditavelmente mágicas, celestiais, únicas. Mesmo com as falhas. Apesar das falhas. Graças às falhas.

Quantas vezes poderemos nós ter o privilégio de ver um dos músicos da nossa alma em procura da salvação e, melhor do que isso, a fazê-lo enquanto canta?




E é precisamente disto que se fazem os concertos. De momentos não encenados. Tal como a longa dissertação sobre Crazy, de Gnarls Barkley, onde ao fim de 15 minutos toda a Aula Magna pulava.

Pode não ter sido bom, mas ninguém disse que um mau concerto não poderia estar pontilhado de momentos absolutamente inebriantes e praticamente irrepetíveis.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 1 Comment

Sooooooooo nice!!!!!

cliquem e vejam:
aqui -> la bella foto

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

"Nós não somos racistas... nem xenófobos, já agora"

(excerto de conversa com orçamentista de empresa de alumínios)

(...) e acrescento-lhe ainda que também não temos nem sérvios, nem ucranianos a trabalhar connosco, que não temos nada contra essas pessoas, repare, não somos racistas, nem xenófobos, já agora; essas pessoas na terra deles eram médicos e tudo o mais, claro, e até seriam bons, mas no nosso ofício as pessoas que temos são profissionais competentes. Portugueses, percebe?"

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

Thanx!!!

...aos que se lembraram e gentilmente telefonaram ou enviaram SMS ou mail com os votos de parabéns. Um big, big hugh!!!!!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Às vezes é bom trabalhar

Mudam-se os dias, mantêm-se os patrões, mudamo-nos todos para novo poiso de 'lavoro' e agora, de um modesto 4.º piso (ainda que a foto seja roubada a um qualquer tipo croata), a vista é mais ou menos esta.

Ah!...
Quanto custa trabalhar.


POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

Morning human rainbow

A velha carrinha-frigorífica parada à porta do armazém do restaurante. O auto-rádio a fazer passar pelos vidros subidos uma música longínqua, de um qualquer recanto solarengo, tropical, areias finas e algo escuras. O homem com as cestas plásticas ao ombro, já vazias; no rosto os óculos de aro grosso e fora de moda; sai pela grande porta do armazém e assobia a par do rádio a melodia. Ainda é tão cedo, mas a honestidade cinge-se a aproveitar cada instante do momento, cada ápice, cada pequeno nada e cada pequeno pouco para sentir pulsar a Vida e poder desfrutar do que quer que seja que a vida dá.

A música na carrinha-frigorífica a cantar para quem quís ouvir. O homem num dueto. E como não aprender com ambos?

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...



(Alessandra Ambrosio)

...de gente que nunca se lembra para onde vai e depois improvisa. Maldição lusitana, que tantas vezes nos livra mas outras tantas nos trama. E depois há os que fazem disto regra e, mais ainda, o provocam e cultivam, andando por aí em falso improviso para que todos olhem, olhem, olhem. E que é que acontece? A gente olha, pois claro.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

ser corajoso...

...é num dia de chuva vestir calças brancas e fazer-se à estrada entre saídas de Metro e passagens pelos autocarros da grande cidade e chegar impecavelmente alva ao escritório.

10 pontos.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

E as noites têm sido assim:

- House M.D.
- 24
- Desperate Housewives
- Heroes

Há lá melhor!?
=D

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

work ricvisited


(anuário criativos 2006 - criatividade, copy e grafismo)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...

(ana beatriz barros)


...do aquecimento global! Ninguém sabe muito bem o que vestir, como se refrescar, a quem recorrer. E sobretudo: como fugir à desidratação! Estamos no Outono, caramba! Mas pelos vistos as madrugadas no norte batem recordes de há 60 anos e aqui por terras do centro as melgas-avionetas nunca tiveram tempos de tanta fartura. Valha-nos o santo A/C, o Raid e as chineladas...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Para resolver o aquecimento global...

...basta juntarmo-nos todos, falar, conversar e brincar um pouco com o nosso grão-mestre solar. O resto virá por si. Afinal, connosco, humildes homens, é assim que tudo funciona melhor. Não teremos de suportar privações. Basta que o Sol, esse malandro, brilhe um poucochinho menos sempre que nós precisarmos. Aliás, se ele fosse um gajo porreiro, comprava um telemóvel para a gente lhe ligar quando precisasse dizer "Agora mais!", "Agora menos!". E se fosse um gajo mesmo, mesmo fixe, então até criava uma conta no skype, para isto ser ficar barato...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

oportunidades

- para experimentar o Menu de Natal no IKEA, com:
salmão num molho que é um mimo, arenque, mostarda picante, pão sueco, fiambre (daquele fibroso e bem grosso), doce de mirtilos, almôndegas suecas, pity-panna, lombo com tempero de gengibre, tarte de mirtilos, sumo à discrição...

- os ainda poucos mas já bem coloridos apetrechos decorativos de Natal

- as oportunidades de móveis sem arranhões à vossa espera nas... Oportunidades junto à linha de Caixas.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

por perto

Poderia pensar-se que um tufão malandro me levou, ou que um ciclónico sopro de um arrojado trovão me tivesse jogado sobre um camião, inconsciente, sobre o qual eu andaria agora a viajar, sem destino, algures pelo mundo inteiro.

Verdade: não ando nem fugido nem ausente, apenas por aí por perto, mas ocupado, atrapalhado, meio a meio com isto e em tudo com aquilo. Perdoem-me os mais assíduos visitantes e os menos assíduos. Aqui de facto escreve-se e publica-se quando calha, em resmas ou a conta gotas. E pelos vistos o tempo é de trovoada mas aqui não chove nada...
=D

Peço apenas, se vos posso pedir mais do que aturar um chato e o seu blog lendário, que se ocupem sempre dele, deste mesmo, este aqui que lêem, porque ele é tão meu quanto vosso e apenas partilhando e partilhando-o faz sentido escrevê-lo, com 20 amigos por dia como por vezes com 60 e 100 e mais.

Um destes dias, quem sabe, reais novidades venham por aí...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

Vida & Morte

surgem-nos por vezes manifestações de ambas de forma tão surreal e surpreendente que damos por nós sem sequer conseguirmos acompanhar a deslocação da Terra.



darei brevemente notícias da primeira.
da segunda envio daqui um grande, grande abraço de coragem à A.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

{ away }




...por uma semana apenas, mas quem sabe a fuga nos fará desprender do tempo e serão, afinal, vinte anos. A corrida maluca e eufórica sobre a relva húmida, a areia molhada, os primeiros retoques e pinceladas de outono, a comida quente no prato sob a névoa fria que já não se esvai depois das primerias horas do dia, a chávena quente entre as mãos...

Até daqui a vinte anos.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

Conselhos, malta! Conselhos!

- nunca comam esparguete com a vossa melhor roupa vestida

- não façam mudanças com calças boas

- não se iludam: a pizza não é a única comida que fica boa mesmo requentada; a feijoada também.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...


(Natasha Vojnovic)


...que eu me estique e espreguice de forma lânguida e preguiçosa, mas como impedir que o corpo se torça e contorça, que nos soprem das folgas da carne as moléculas excedentárias e que no instante seguinte nos percorra a espinha, os músculos e cada terminação nervosa aquele inebriante suspiro profundo, mágico, retemperador e único?

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

O melhor videoclip dos últimos tempos...

...está aqui:


http://www.youtube.com/watch?v=pv5zWaTEVkI


POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

sinais dos novos tempos...



...há pois quem diga que vem aí o fim do mundo.
vamo-nos nós também, matéria, gente, oxigénio, protões, neutrões, tudo!
ficam os gifs animados a animar quem cá ficar e não tiver explodido.
de facto, é um cenário um pouco ou nada triste, este de saber que daqui a uns milhares de milhões de anos já cá não estamos.
Oh maldição.

Talvez por isso, em absoluto acto de desespero, haja quem perdeu tempo a desenhar isto aqui de cima e a animá-lo como se pode ver (basta clicar).
São loucos, portanto.
Não conseguem assumir o fim do mundo e pronto.

tss...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited




(comunicação interna - prim./verão 2006)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited




(logótipo para projecto interactivo)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...


(Adriana Lima)

...do regresso às aulas para além das fatiotas novas e dos cadernos novos e das canetas às cores por usar e dos colegas e amigos a reencontrar e dos colegas novos a conhecer; tudo para além disso é odioso, sobretudo aquelas professoras novas, que nos vêem pela primeira vez e decidem logo marcar-nos para o resto da vida, fazendo-a um inferno, pensando para si mesmas:
-"Eis o meu primeiro ano a leccionar, ah!, a verdadeira vingança facínora começa agora e aquele ali será a minha vítima preferida! Irás tu, meu pequeno petiz, penar diariamente, onde pela tua mente irás ser fantasiado e hipnotizado, passando a partir daí a absorver os meus mais gentís gestos por forma a que faças tudo o que te peça, como erguer a pasta que me cai, limpar o apagador mesmo quando não está sujo, e o melhor: levar o meu tabuleiro no refeitório. Sim, serás meu escravo sem queixas nem reclamações."

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

totoloto? lotaria? euro-milhões?

verdadeira sorte é, num fim-de-semana, fazer zapping ao acaso e ver as 4 emissões do TOP GEAR na BBC!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

sec.XXI? novo milénio?...

...a mim parece-me contraditório, sobretudo quando olho o Correio da Manhã de hoje e vejo como título em grandes gordas: "Mulher apresenta telejornal". De facto, seria suposto estarmos em pleno novo milénio, em plena evolução e com muitos passos já dados. Não devia ser inovação, mas sim dado adquirido e prática corrente. Pelos vistos ainda não... E pelos vistos não nessa tão orgulhosa américa. Sim, com 'a' pequeno.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

as aulas vão começar...


{quem não se lembra}

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited



(grafismo para apresentação da Dir. de Programas RTP)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour - 9

Usem e abusem da vossa boa-vontade.
Vão ao Multibanco e ofereçam 5 euros de saldo de telemóvel a um número ao calhas.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...



(bacardi girls #1)

...do dia 1 de Setembro!!! Foi-se toda a animação do Verão. Por mais que digam que ainda é Verão - não é. Acabou-se! Finito! The End! Adieu. Fade Out aos copos e noitadas de farra. Fade out às longas noites e filmes nas tv's sobre casinos, sobre praia e sobre sol e sobre calor e sobre essas coisas que só rimam com a época de veraneio. A minha mulher odeia quando as filas de trânsito se preparam para regressar. E eu também. Valha-nos ao menos o conforto de saber que há fins-de-semana.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour - 8

-tirem mais fotos à vossa casa - - - como as placas tectónicas, quase não se nota, mas ao fim de 10 anos nem imaginam as mudanças que por ela já passaram!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour - 7

-saibam apreciar uma boa salada; experimentem a seguir um bom naco na brasa.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited




(capa DVD filme "KILAS", feita para oferta aos amici)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 6



-comam singelamente e vistam-se mais vezes de cor-de-laranja.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto


(Angelina Jolie)

...dessas alturas em que por mais que a gente se esforce, e por mais que a gente precise, nada de verdadeiramente inspirador parece sair dos nossos neurónios para nos fazer terminar aquele projecto de Hotel para Miami, ou para fechar o orçamento sobre a proposta de compra da nossa ilha privada nas Maldivas, ou até para o último diálogo do próximo grande melodrama a ser oscarizado por Hollywood; ou, quem sabe, do manifesto que finalmente irá erradicar a fome do mundo e terminar com as pretensões dos americanos, chineses e russos de dominarem o mundo e deixarem essa tarefa para os islandeses.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Viver a Vida!

O problema da Vida não é vivê-la, mas conseguir fazer com que cada colherada de morangos com chantilly traga a dose certa de cada um, de modo a não sobrar na taça mais de um e menos de outro e conseguirmos terminar o repasto a bem, sem que um deles fique chateado ou sozinho.

O equilíbrio, esse malandro!
Ah, o equilíbrio!...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited





(interactividade para festivais de verão apoio RTP - 2006)


POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

O Papel Pardo

Desde que alguém inventou o papel pardo (que como toda a gente sabe coincidiu com o aparecimento da espuma de barbear em aerosol, facto que impediu o papel pardo de atingir o estrelato merecido) que eu não via uma coisa assim!

Eis que o mercado nos oferece, agora, papel metálico... pardo.
Podem não acreditar os petizes ou os incrédulos (nem até mesmo os 'heavy-users' do plástico, esses malditos), mas fala-se por aí que será a próxima grande mudança nas sociedades contemporâneas.

O papel pardo, como se sabe, foi o responsável pela queda do muro de Berlim - quando os soldados que marchavam ao longo do betão passaram a receber os rolos de carne em papel vegetal, isso ditou o términus, o fim, a grande apoteose que ribombou numa manifestação de apelo e urgência para restabelecer o papel pardo no seu devido lugar, isto é: na cimeira das prioridades de qualquer lista de governo ou mesmo de supermercado (afinal, ainda hoje técnicos procuram as diferenças, sem sucesso aparente). Os russos ainda tentaram inverter a situação, 'vendendo' o embrulho a vácuo como a melhor coisa do mundo. Mas ninguém foi em cantigas. Até porque nessa altura o 'tecnho' estava em alta.

Hoje, contudo, estamos num novo milénio. O papel pardo foi perdendo o seu peso e a sua influência fruto da emergência do digital. Mas acreditem os que não acreditam (e já agora, os que acreditam podem acreditar duas vezes, que não faz mal nenhum) que a primeira revolução deste século irá chegar.

Papel metálico pardo.
Eis o nome que todos irão lembrar.
Isto, claro, se não surgir uma nova maneira de espumar a cara para o barbear...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 2 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...

(Alessandra Ambrosio)

...deste vento matinal que varre o quentinho do sol e nos expõe traumaticamente à gélida sensação de calafrios e resfriados e, pior que isso, destrói o que tão habilmente e tão criativamente construímos durante duas horas em frente ao espelho; a vida, contudo, tem não raras vezes o seu toque de ironia, e aqui e ali acontece que quem nos tenta destruir acaba, hélas!, por ser o portador das circunstâncias que mais reveladoramente exibem o nosso lado mais sublime.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Canela

aos que como eu podem um dia vir a sofrer do temor causado pelos olhos esbugalhados de uma empregada zelosa de restaurante que vos diga: "Não comeis canela, que faz terrivelmente mal!"; a uma dessas, digam apenas:

- Vá à fava!


(busquem na web ou na enciclopédia lá de casa e vejam como só faz bem - muito bem, mesmo)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

prazeres de uma vida



- comer um bom naco de pão fresco com a côdea estaladiça, por-lhe em cima um naco ainda maior de manteiga e devorar tudo em três tempos ao chegar a casa ao final da tarde.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

é verdade, mas é pena..



Por mais que tente, nada me consegue fazer ultrapassar esta vontade.
Por mais que me esforce, e por quase que lá chegue, na hora 'H' nunca resulta.
Por mais que pergunte, nunca ninguém me responde com um sim afirmativo ou um caminho...

...por mais que eu queira, a verdade é que não consigo mesmo agarrar os balões onde escrevem os nossos diálogos quotidianos e ir a voar por aí fora.

Por mais que custe, começo a acreditar que só servem para os outros nos lerem os pensamentos ou para nos ouvirem as perguntas e respostas. Depois, 'puf', rebentam como bolhas de sabão, como se nunca tivessem prestado para mais nada.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Six Feet Under


Dizem que ela sempre sonhou ser de parar o trânsito.
Tudo o que conseguiu, contudo, foi pará-lo.
Tinha ainda poucos anos.
Era quase manhã e a noite tinha sido divertida.
A ambulância levava-a agora com os mesmos mil cuidados com que sempre sonhara ser idolatrada...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...


(kelly monaco)

...deste calor terrível e em demasia! Deixa-nos assim como que a desidratar, malfadados pela péssima figura em que nos apresentamos nas reuniões quando o AC quebra sem aviso e completamente em desespero na busca de uma sombra ou uma simples e amena brisa. E depois, claro, há sempre quem não tenha pejo de achar que a época é boa, sim senhor, mas é para ir correr um bocado e queimar o dobro das calorias com o mesmo e repetido exercício de sempre.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

maniqueísmos

Há dois tipos de pessoas na vida:

- as que respondem à defesa
- e as que respondem ao ataque



Ainda assim, eu prefiro as que respondem atirando tartes !

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

best new band

NEKO CASE, "fox confessor brings the flood"-

Depois do eterno deleite que é ouvir "Illinois" de Sufjan Stevens, esta é a minha nova e rotineira boneca de trapos feita dos melhores restos dos melhores cobertores da nossa adolescência e juventude.

não percam.
mesmo.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 5

by JPC:

"Lisboa em Agosto é como Coca-Cola sem gás"

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 5


As noites para dormir seguem o percurso dos ossos: estagnaram, e a partir daqui é sempre a encolher...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

work ricvisited






(cd art covers + songs for the one and only)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...



(elisha cuthbert)



...de calor, de muito calor, de calor a mais, de calor que escalda e nos obriga a fazer figuras que outrora nos julgávamos incapazes de cometer, tudo em prol, claro está, desse equilíbrio, dessa Harmonia temperaturesca que nos permita, enfim, respirar de novo em paz -- calma e absolutamente em paz, serenidade e na mais amena tranquilidade.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Sabemos que estamos velhos quando...

...damos por nós a olhar uma toalha de banho com feitios e bonecos feitos em ponto de cruz e damos por nós a pensar - "ena, aquilo está bem interessante"

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Visto Na Minha Rua

(na janela de um apartamento)




" VENDO T2. IMPECÁVEL. FULL EXTRAS! "



o que se segue na criatividade dos vendedores?
- todas as revisões na marca?
- oferta do ar condicionado?
-...

=O

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Memórias


Num passeio apanham-se os odores de um bolo de côco acabado de fazer e a arrefecer algures num parapeito que não vejo. A verdade, essa, é o regresso ao passado, muitos anos atrás, talvez mais de quinze.


Quem me dera poder ver a senhora que fez o bolo e acenar-lhe um enorme obrigado.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Quem não gosta de uma miúda com atitude!?

é só clicar AQUI para ver a 'Natalie' como (quase) nunca a viram!


=D

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 4


joguem mais à bola

fintem mais as vossas prioridades

driblem os sentimentos quando chegarem perto das enxaquecas

chutem nos problemas

defendam-se com unhas e dentes

passem a palavra

dêem a vez a outro quando virem que estão cansados

e sobretudo, no final de cada dia: façam os alongamentos.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Procurem JÁ esta palavra no GOOGLE!!!


vão ao google e pesquisem por esta palavra:


Hamisaxukuzipawala



UAU!!!!!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 3


-digam mais vezes e em voz alta a frase: "O céu às vezes parece uma sardanisca com ventosas nos olhos e pêlo de rato almiscarado."

Não ajuda.
Mas alivia.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour! - 2


-Digam mais vezes por dia: "Sou uma Couve de Bruxelas que queria ser apenas um pé de feijão"

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Pensée du jour!


Saibam que o chocolate é um anti-depressivo que ENGORDA, o que só por si deprime muita gente...

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Hamisaxukuzipawala

a-ah!!!!!
com que então vieram aqui parar depois de procurarem por esta palavra no Google, hein!?

humm...
e agora?
como é que vai ser?

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

É por coisas como estas que eu um dia faço uma estátua ao Bill...

tira wow!




tira ainda mais wow!



tira super-wow!



tira mega wow!



tira wow-wow!



tira wow-que-wow-mais-super-grande!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

Pensamento do dia, do mês... dos últimos 13 anos


descubro mais, aprendo mais, divirto-me mais, reflicto mais, viajo mais por uma única tira do 'Calvin & Hobbes' do que em tantos livros inteiros.




obrigado Bill.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

ideas, ó ideias

estou eu sentado a ver a têvê, essa nossa amiga dos serões que tantas histórias giras e supimpas nos dá, quando dou por mim a encontrar mais um amigo meu actor.

"Porreiro", penso.

E nisto fico a divagar mentalmente e chego à conclusão que seria excelente ter TODOS os meus mates, amigalhaços, colegas barís e pessoal extra-super-mega-supimpa (reparem que já é a segunda vez que uso esta palavra) a obter papéis em séries e programas na têvê.

Pessoal, amigos e ex-colegas: tornem-se actores ou apresentadores de têvê!
Em alternativa, façam um home-vídeo com a vossa maq.fotográfica e metam no youTube como a amiga Rute.

Abraços!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

férias = the end => de volta

(suspiro)

o que mais custa quando se volta não é a volta, mas o que não volta.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

Vou de férias...

...três semanitas.
E portanto se não:

- me raptarem
- envenenarem
- prenderem e torturarem até à morte
- fecharem numa tenda orgíaca agrilhoado e seduzido por mil beldades
- enviarem num míssil para o espaço
- for raptado por extraterrestres
- ou outra coisa parecida

eu volto.
fiquem por aí.
um forte, forte abraço.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...




(Natalie Portman)

...de estar tempo demais em trabalho - é uma chatice; perde-se o brilho da pele e ganha-se uma soturnidade rafeira, rude e que dificulta achar uma peça de roupa que nos caia bem; mais vale de uma vez por todas partir de férias por três semanas e apanhar banhos de sol e esplanadas livres onde os empregados ainda têm tempo para nos atender com mimos e sem pressas nem esquecimentos.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

work ricvisited








( capa, verso de capa, interior e verso de compilação 'for the one and only' )



POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 3 Comments

work ricvisited




( conceito+copy+grafismo)
- spot para Clube dos Criativos

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

A minha mulher odeia e eu também não gosto...





(Elisha Cuthbert)



...desse pessoal que se roça nas paredes com laivos de luxúria e no fundo, no fundo, só procura tapar costas borbulhentas ou um escaldão dos diabos; isso e o ombrinho à mostra, como quem diz "anda cá!", mas na realidade só está a encostar a pele abrasada pelas quatro horas de sol sem protecção e assim roubar a frescura ao cimento nu, pobre coitado, esse que só o procuram os cães sem dono ou arquitectos japoneses apanhados do miolo por casas-de-banho inteiramente em betão envernizado.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

Frustração #1

- quando nem o computador nem a ligação web acompanham a nossa fúria voraz no teclado.

=P

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 1 Comment

work ricvisited





- conceito interactivo e grafismo para A Revolta dos Pastéis de Nata.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments