www.youtube.com - YouTube tem nova imagem

O popular YouTube prepara-se para ter cara lavada. A sua homepage será alvo nas próximas semanas de uma versão experimental junto de um painel de utilizadores. Provavelmente daqui a 2 meses estará em produção e pronta:
"New Experimental Personalized Homepage" ->

O que considero interessante e positivo na ideia por trás da equipa YouTube para a nova homepage é que, ao contrário de outros grandes sítios web, pretendem a customização da página mas não colocam o foco na necessidade do utilizador - ele próprio - customizar a página. Parece confuso? Nada disso.

Ao contrário da versão 'beta' da BBC (www.bbc.co.uk/home/beta/) ou o iGoogle (www.google.com/ig), a equipa do YouTube irá incluir conteúdo relacionado com as preferências de cada utilizador usando, para tal, a informação de que já dispõe, tal como o fazem com sucesso sítios web tais como Amazon e Last.fm. - é no fundo uma afinação dos mesmos conceitos.

Ou seja:
mais uma vez, a ideia de que alguém irá perder tempo a customizar a sua homepage é tudo menos visionária, antes podendo ser quase um desastre (a média de adesão ronda os 9%). Ao contrário, se pudermos nós fazer algum desse serviço, aí a coisa muda completamente de figura.

Contudo, e no caso do YouTube, aproveitar as estatísticas dos vídeos vistos, os votos nos vídeos, os favoritos, etc, etc - parece-me extremamente razoável e acertado para, com base nessa informação, customizar de forma dinâmica algumas áreas da homepage. Será portanto a primeira intervenção da filosofia Google na homepage do YouTube - filosofia que desde há anos assenta nos lucros da casa-mãe, ao ter conseguido relacionar com eficácia e mostrar anúncios para as palavras pesquisadas no motor de busca.

Podem ler o post do YouTube no blogue:
"New Experimental Personalized Homepage" ->

POSTED BY Ricardo Tomé
DISCUSSION 0 Comments

1 Ano Em Revista



O filme foi feito pela portuense Cristina Braga e mereceu inclusive honras de destaque no Information Aesthetics, após recomendação de um leitor luso assíduo.

O filme narra de forma visual e em menos de 4 minutos 1 ano da vida da própria, quer em volume, número ou percentagem. Desde quantas músicas se ouviu e quais os estilos mais tocados, quanto gastou em água e luz ou quantas fotos digitais tirou, há muito para olhar para trás e fazer um balanço rápido de um ano das nossas vidas.

Presumo que para a elaboração das percentagens dos estilos de música sites como o last.fm tenha sido fulcrais. O resto obriga apenas a manter um diário de bordo mais ou menos actualizado - ou isso ou ir guardando os recibos de tudo.
=)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , , ,
DISCUSSION 0 Comments

Bebé Que Fala!!! =0



Super Bowl Commercial: "Baby Buys Stock"
Anunciante: eTrade

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

Kill Your Television


Desde que, há uns meses, dei de caras com a REVISION3, a cabeça não tem parado de fervilhar.
Isso e o cruzar com um bom par de ideias dos tempos do cinema, mais a experiência de 7 anos a viver em meio televisivo e rádio, e só dá mesmo vontade de meter as "mãos na massa".

Originária dos gurus que fundaram o "DIGG", e agora com mais um par de nomes com epxeriência na Tv, a REVISION3 promete de facto estar cá para ficar. Pelo menos ideias e público não vão faltando! (dêem uma olhada ao YouTube e ainda às páginas de comentários em cada um dos programas).

MAis do que apenas fazer TV, a Revision3 soube ouvir quem vê a Tv. Só isso, a meu ver, é já um passo gigantesco.

Vale a pena espreitarem.
São bons programas. Muito bons, mesmo. Alguns mais assim-assim. Mas sempre boas ideias e, mais do que isso, um posicionamento de cada um e da própria REVISION3 que, a meu ver, não podia estar mais acertado.

Basta ler a "missão" de vida:
"KILL YOUR TELEVISION" ->

"The content is designed for a new audience: passionate committed fans who want to watch shows that entertain, educate and help expand their life experiences. The audience expects professionally produced programming but wants it to be unexpected, edgy, smart and real. "

"Our hosts don't come from Hollywood. Instead, they come from the same passionate fan base as our audience. They are engaging, personal, smart and connected - experts with the insight and acceptance that naturally puts them at the center of the community."

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

www.slide.com

Aqui a experimentar uma das funcionalidades / gadgets do www.slide.com:





No www.slide.com a ideia é mesmo remisturar, reutilizar, remixar... baralhar e voltar a dar. Vídeos, fotos, música, vale tudo! desde que se tenha vontade e criatividade.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

Indiana Jones 4 - Trailer !!!

Já está online, nas bancas!!!






E a comunidade cinéfila já começa a comentar e a descobrir as gralhas, nomeadamente erros de chroma-key:



Podem ver o trailer em boa qualidade, no IMDB:
INDIANA JONES 4 - TRAILER ->

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

Orsi Fehér

O que fariam se estivessem a sós num elevador com a Orsi Fehér e a própria carregasse no botão de STOP?
=)

A pergunta não é original, mas o convite e as respostas, essas, prometem:
http://no-elevador-com-orsi-feher.blogspot.com ->

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN ,
DISCUSSION 0 Comments

"Solteiros" para o Dia dos Namorados



O filme, de Cameron Crowe (Jerry Maguire, Vanilla Sky, Almost Famous, ...), estreou em 1992 e para trás deixou imagens únicas de um bom par de actores em cortes de cabelo inenarráveis. A Rute lembrou o filme no seu blogue e eu só podia mesmo continuar a cadeia de partilha. Aqui fica portanto uma das melhores flores românticas do cinema, bem-disposta e animada, para todos sorverem o perfume até esgotar!

Página do filme no IMDB:
"SINGLES" ->

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments

INDIANA JONES 4 - o filme



O filme era para se ter chamado "City of Gods", e vai daí começaram logo a surgir na web versões de trailers que os fãs criaram. Não sei se esta versão acima, do que poderá ser o teaser da 4.ª aventura de Indiana Jones, é mesmo a original. Mas seja como for, já aguça bem o apetite.

A marcar o arranque oficial da campanha de promoção do novo filme de Steven Spielberg, George Lucas, Harrison Ford e companhia (sendo que companhia são Cate Blanchett, shia LaBoeuf ou KAren Allen), a Vanity Fair conseguiu o exclusivo de ter a Annie Leibovitz a fazer as fotos (mais uma vez - únicas!) e de explorar num artigo de 5 páginas muito do novo filme, bem como dos seus criadores, personagens inesquecíveis e, claro, as histórias maravilhosas em torno de uma figura 'top of mind' do cinema.








Para lerem o artigo integral da Vanity Fair sobre o 'comeback' do professor aventureiro:
"Keys to the Kingdom" ->


Vídeo de Annie Leibovitz com os bastidores da photo-session:
"Indy Returns" ->


Site oficial da saga Indiana Jones:
www.indianajones.com ->



Obrigado Rute pela dica!

POSTED BY Ricardo Tomé
DISCUSSION 0 Comments

www.nickelodeon.pt - jogos, vídeos, fun zone



A versão portuguesa do site da NICKELODEON segue a linha estratégica mundial e sofre agora um redesenhamento e novos conteúdos: www.nickelodeon.pt


Do que vi, gostei bastante.
Acredito que a área de vídeos será ricamente mais preenchida no futuro, e só tenho pena daquelas "asinhas" cor-de-laranja, junto ao banner, estarem sempre a mexer e a distrair-nos. Ao mesmo tempo, como o site está em flash, o URL não muda à medida que eu estou na secção de Fun zone, ou de vídeos, o que não permite às secções serem indexadas pelo Google nem tão pouco a que eu possa guardar o link directo nos meus favoritos ou enviar a um amigo.



Contudo, globalmente (e nunca esquecendo que o grupo-alvo é extremamente específico e devemos esquecer algumas regras de layout e design típicas e aplicáveis noutro tipo de sites), acho que está extremamente apelativo, visualmente rico e que promete ser um combate agressivo, na luta pelo topo do ranking, entre o site do Nickelodeon e o site da Disney.

Para já, o Nickelodeon ganha aos pontos: tem uma página toda a cheio, imensa cor, navegação rápida e fácil (os links-texto ou imagem são sempre formas e palavras em tamanho generoso) e, sobretudo, é um site que pretende entretenimento, ponto estratégico onde falha muito o da Disney, mais voltado para ser um veículo de promoção dos seus filmes, merchandising, séries, etc.



Será, portanto, uma área do mercado que irei acompanhar com todo o interesse.
=)

Ver site do Nickelodeon:
www.nickelodeon.pt ->

Ver site da disney:
www.disney.pt ->

POSTED BY Ricardo Tomé
DISCUSSION 2 Comments

www.parlamentoglobal.pt - a actualidade das actividades parlamentares

É já a partir de Março que a Sic, o Expresso e a Renascença irão em parceria lançar e enriquecer o site www.parlamentoglobal.pt. Aqui serão então disponibilizados conteúdos relativos ao dia-a-dia do Parlamento, bem como igualmente à sua história e momentos mais marcantes.

Os nomes divulgados pelo briefing, que encabeçam o projecto, são "Miguel Martins, Nuno Saraiva, editor de Política do Expresso, José Gomes Ferreira, director Multimédia da SIC e Pedro Leal, director-adjunto da Rádio Renascença". É portanto uma equipa de luxo para um site que aguardo com bastante expectativa.

Mais até do que apenas o site em si, torna-se interessante ver a aposta estratégica do Grupo Impresa e veremos, a médio prazo, como o projecto servirá para enriquecer e dinamizar mais os conteúdos de cada um destes grupos e das suas publicações.

Site do Parlamento Global (ainda off):
www.parlamentoglobal.pt ->

Site da Sic:
www.sic.pt ->

Site do Expresso (já dentro do aeiou):
http://aeiou.expresso.pt ->

Site da Renascença:
www.rr.pt ->

Site do Briefing
www.jornalbriefing.iol.pt ->

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

YouTube - www.youtube.com - 3 anos de vídeos e mais vídeos


Soprando as velas de 3 anos neste mês de Fevereiro, terá o lema do YouTube - "Broadcast Yourself"- realmente pegado?

Sim. Dirão uns. Definitivamente. Dirá a maioria. E outros lembrarão que uma parte significativa do que pulula de vídeos colocados no Tube são de produção alheia - séries, videoclips, excertos de programas, genéricos, etc, etc. Mas para além do "Broadcast Yourself" e do Re-Broadcast O Que Viste, o YouTube conseguiu ainda , a meu ver, 3 grandes feitos: promover o final da inércia, capitalizar a criatividade e, ainda, cimentar uma nova estética.



O Fim da Inércia
Hoje temos, certamente, muito mais gente que acredita que pode gravar um vídeo seu e colocá-lo na web, seja no YouTube, no Sapo Vídeos ou noutro site qualquer. E mais: que acredita que isso pode marcar a diferença, pode chegar a outras pessoas e pode mudar a sua própria vida. A partilha vingou. E a esperança de muita gente também, conseguindo mostrar o seu talento, a sua parvoíce ou simplesmente mostrando-se, e angariando visitas e comentários, matando a solidão, reunindo novos conhecidos e, até, nalguns casos, saltando para a fama. É um tempo ainda de certo modo naïf, e que mais cedo ou mais tarde irá mudar, mas até lá...


Criatividade ou re-Criatividade
Por outro lado o canal de vídeos mais visitado de todo o mundo conseguiu ainda pôr a mexer imensa gente num sentido mais criativo, despertando para a facilidade com que, até primariamente, se pode fazer um videoclip. Deu-se o boom da Creative Commons. Nasceu a era do "Share, Remix, Reuse". E num ápice, de facto, assistimos a uma chusma de jovens pseudo-realizadores (e alguns mesmo bons) a utilizar os seus telemóveis, câmaras fotográficas e de vídeo, ou simplesmente remixando imagens e sons e colocando peças novas, únicas, para todos as vermos, votarmos, comentarmos e partilharmos.


Uma Nova Estética
Mas o boom do vídeo na web promoveu ainda um passo decisivo para a história do audiovisual, de onde o YouTube não se safa de ter um papel fulcral como principal porta de angariação de vídeos. Uma nova estética. Obrigando a limites no upload dos vídeos, e tendo ainda a grande maioria de nós, em casa, aparelhos de vídeo, webcams, computadores e ligações web que permitem apenas trabalhar os vídeos com uma qualidade abaixo da média (o tal chavão "qualidade web"), os utilizadores passaram a ver TV sob uma lógica permissiva no que toca à qualidade. O próprio termo "digital", tantas vezes conotado com "superior qualidade", sofreu um revés, estando também conotado com tamanhos de janela de vídeo pequenas, pixelização, som assíncrono, etc, etc. E o curioso: quase ninguém se importou com isso.


E tudo isto em apenas 3 anos.

........................................................................................................................................................................


Reportagem da RTP, ao bom estilo YouTube, sobre o seu 3.º aniversário:
"Youtube completa este mês três anos" ->

Endereço geral do 'tube:
www.youtube.com ->

POSTED BY Ricardo Tomé
DISCUSSION 0 Comments

VPOD.TV - video player, mobile tv, channels, monetization & more


Desde 2006 que a vpod.tv anda na calha para arrancar.
confesso que já me tinha esquecido do projecto cujo nome de referência é Rodrigo Sepulveda Schulz. É pelo menos o que mais vezes tem sido citado no TechCrunch sobre este projecto.


A ideia da vpod.tv é ser mais um site de upload de vídeos, partilha e oferta dos vídeos multi-plataforma (mobile, PSP, etc.), sendo este último ponto um dos maiores chamarizes. Contudo, não deixa de ser mais um. Ou não será bem assim?...

O eixo de comunicação da vpod.tv tem mudado ao sabor dos tempos. Primeiro Rodrigo Schulz falava no projecto como uma versão europeia do Brightcove ("The vPod.tv Play" ), mas estas declarações foram a 20 de Maio de 2006. O problema é que em Dezembro último a Brightcove.tv decidiu fechar as portas... ("Brightcove.TV Gets Its Plug Pulled (Sort Of)" ).

Vai daí, afinal o posicionamento da vpod.tv já não é uma versão europeia da Brightcove.tv, mas afinal já é mais do tipo Revver ("vpod.tv Raises $5.1 Million: First Look") . Ou seja, upload e partilha de vídeos em todas as plataformas e com foco nas receitas publicitárias.

"Money, money, money", diriam os ABBA.
Mas será esse foco suficiente para atrair alguém, quando o próprio YouTube já está a abrir os cordões à bolsa e a partilhar receitas com os users? Ou mesmo o eixo da comunicação assentar vezes sem conta na europeização como defesa contra 'the all-mighty-americans'?

Talvez não.
E perceberão então, vendo o site, como até há por ali boas ideias. O conceito e comunicação estão agora mais centrados numa lógica de TV e não tanto de vídeos on-demand espalhados pelo cyberespaço, mas organizados pelos próprios utilizadores segundo uma lógica de canal de televisão. Uma espécie de YouTube-meets-Joost, mas sem ter de instalar qualquer plug-in.
=)


Para espreitarem, basta ir a "http://corp.vpod.tv"

POSTED BY Ricardo Tomé
DISCUSSION 0 Comments

Daddy's got a new lamp!

Graças ao mate André, e à sua cada vez maior criatividade.
Estou para ver a reacção da minha mãe, ao entrar em casa, da próxima vez que nos vier visitar...
=D



POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , ,
DISCUSSION 0 Comments

Sugestões Enólogas do Aprendiz: DONATÁRIO, 2006, Branco - Açores


O meu amigo Luciano enviou-me algumas pérolas da ilha Terceira, uma das quais este belo Donatário.

Guardei durante não muitos dias, porque logo-logo surgiu uma dessas jantaradas em que matamos saudades dos amigos que não víamos há muito tempo e acompanhamos as conversas com uma bela Lasagna de frango e caril. Para sobremesa, o tiramisú como só o meu amigo André sabe fazer. E claro, a acompanhar tudo isto, um Branco dos Açores, este Donatário de sabor bem vincado, fresco, de uvas bem amadurecidas e cujo travo final mostra porque é tão particular o clima açoriano, onde o sol pouco aflora e as regiões de pouca humidade são escassas.



Mas melhor do que eu para falar dos vinhos da região é mesmo o próprio Luciano, senão vejam:


Podem ler mais sobre a opinião do Luciano aqui:
Trilhos e Sabores dos Açores -"Um Nobre Donatário" ->

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments

BBC - conseguem encontrar a publicidade na foto???




Este print-screen foi feito há minutos, hoje mesmo, 4 de Fevereiro de 2008.
Fiquei abismado quando vi tanto anúncio numa homepage da BBC.
Sobretudo depois do zunzum de há uns meses, após a colocação de publicidade apenas nalgumas páginas e apenas para visitantes do site BBC fora do Reino Unido.
Mas isto?
Pôxa...
Disto eu não estava à espera!

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , , , ,
DISCUSSION 0 Comments