Sugestões Enólogas do Aprendiz: ADEGA DE PEGÕES


Continuando o bom tempo, nada melhor do que continuar a minha aprendizagem pelos vinhos brancos, para gelar bem (mas não demais) no frigorífico e servir na hora, desta feita a acompanhar um daqueles frangos pequeninos e estaladiços.

Colheita de 2006, este Adega de Pegões anda por volta dos 3 euros; gostei imenso do texto no verso (podem clicar na foto abaixo para ler) por ser de tal forma eloquente mas sem cair no ridículo. O vinho, esse, ao contrário do já recomendado Planalto, é bem mais encorpado e forte. Enche logo a boca e a mim deu-me um pouco aquela sensação de ser um vinho que ao primeiro toque é meio abrutalhado; compensa depois, ficando um agradável aroma na boca.


Oriundo do Sado (Setúbal), creio que este Adega de Pegões 2006 é um vinho difícil de gerar um consenso à mesa, um pouco devido ao seu lado forte e abrupto; mas quem gostar, decerto repetirá. Também por tudo isto não aconselho, pessoalmente, a servir em copo apenas para animar conversas ou uns aperitivos; para isso o Planalto é muito melhor. Aproveitem-no pois para uma boa refeição cheia de sabores, que ele aguenta-se bem. ;)



POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments