querem apostar?

pelos vistos, a ideia vai mesmo para a frente.
o princípio do utilizador-pagador alarga-se e os mais pobrezinhos (aqueles, vocês sabem? os advogados e médicos com rendimentos muito perto do salário mínimo?) até poderão deduzir os passes no IRS.
o objectivo é aproximar as receitas aos custos. E falando de custos, não tardará que a eterna classe média (cada vez mais mínima) veja os gastos mensais em transportes públicos ao preço de umas idas e vindas de Clio entre a casa e o trabalho. Aliás, basta ver alguns dos percursos testados pela própria DECO na edição corrente.
Eu, pela parte que me toca, já tenho ideias:
-daqui a uns anitos vou ter mais pessoas a pagar-me as boleias que a andar de transportes públicos!? Querem apostar?


(ah pois é, bebé)

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN
DISCUSSION 0 Comments