Sugestões Enólogas do Aprendiz: QUINTA DAS HIDRÂNGEAS Tinto 2003

Bem-vindos a um vinho tinto, do Douro, colheita de 2003 e que de tão limado e equilibrado até custa a crer, face ao que se falava há uns anos atrás sobre a rudeza dos vinhos tintos das encostas do Douro.


Nada disso aqui. Um vinho delicado, sublime e encantador. Digo desde já que é óptimo para acompanhar pratos de tempero menos fortes ou umas valentes fatias de pão da vila, um prato de queijos e mais uns chouriços da Beira.

O teor alcoólico está no ponto; bem controlado, nada intrometido, e sem aquela 'pancada' imediata após dois ou três tragos. Aliás, acompanhem com ele um prato de carne e é um vinho que dá todo o espaço ao prato que estamos a comer, sem que no fim haja qualquer impacto exagerado pelo álcool (ok, depende: se cada um beber uma garrafa, já não digo nada...).


Extremamente polido, suave e elegante. É um tinto que recomendo vivamente, sobretudo para quem seja apreciador de vinhos calmos, serenos mas cheios de volume. Entre €7,5 e €10 (só descobri o preço via "Os Vinhos", pois a prova deu-se em casa de familiares) não posso dizer que seja o mais indicado a bolsas mais comedidas como a minha, mas se virem que preferem levar uma boa garrafa em vez de duas médias, eu acho que vale bem a experiência.

POSTED BY Ricardo Tomé
POSTED IN , ,
DISCUSSION 0 Comments